29.7.06
polissemia
"A vida só ganha sentido quando se pensa na morte, porque a morte é o único sentido da vida"

Marcadores:

 
posted by rafael at 23:38 | Permalink |


1 Comments:


At 30 julho, 2006 00:30, Anonymous Mateus Arcanjo

Pois é meu rei, acredito que quando morrer me unirei ao Cosmo, a Divindade, ao Pai das luzes e Luz das constelações. A vida neste plano sempre promove uma sensação de um limite que almeja tocar o infinito! Quando penso na morte fico envolvido por alívio, leveza, desejo e, ao mesmo tempo escuridão e medo. Medo do desconhecido, do sombrio. Desejo de liberdade, de transe ilimitado e transcendente! Desejo de ser UM com Deus!

Abraço poeta!

 


|