13.2.08
das perdas


Quando acaba, recomeça?


*********


Diga "não te amo"
que aceito, ainda de mal grado;

Mas não diga "não me ame"

pois não suporto amor guardado.

Marcadores: , ,

 
posted by rafael at 20:29 | Permalink |


8 Comments:


At 13 fevereiro, 2008 21:44, Anonymous Anônimo

Ad

Rafinhaaaaa voltouuuuuu!!!Que bomm, gostei do poema.

Bjo

 

At 13 fevereiro, 2008 21:49, OpenID poetriz

Perfeito!
Tb eu não gosto de guardar amor...
Nem amor, nem cartão postal sem dedicatória, nem bala preferida, nem poema rimado, nem sorriso estampado, nem brilho nos olhos...
Tem coisas que não devemos guardar, porque senão perdem o valor!

E se fiquei de pé, na chuva? Prefiro mil vezes sair correndo no corredor e cair sentada, escorregando e rindo...
A gente sai na chuva pra se molhar, não? Então tem que aproveitar!

Tá, tá, exagerei...

Bjinhos!

 

At 15 fevereiro, 2008 12:47, Anonymous belle de jour

às vezes recomeça, não é uma coisa que se programe saber.

já, "não me ame" é totalmente perverso; faz achar que um tem poder sobre o outro, ordena como se ordenasse um incapaz de escolher por si. faz-se dono do ser que ama. é muito.. muito cruel.

"não te amo" é a percepção sincera do descontrole sobre os quereres. às vezes também lamenta. talvez fosse bom ter um plug que sincronizasse o "te amo" com o "também te amo" do outro. não é.

às vezes surge, às vezes recomeça, às vezes é a morte pelo desaparecimento. ainda sim, vamos sempre querer reaver o morto, o corpo, pra enterrar, pra fazer ritos de despedida... só assim nasce, só assim morre. tem de informar materialmente tudo aos sentidos, que acha?

até =)

 

At 15 fevereiro, 2008 15:33, Blogger Poisongirl

Dói guardar uma coisa tão boa como amar.

Não dar para se ter sempre reciprocidade mas , eu pelo menos , depois que me pego amando alguém , é caso perdido.

Podem até me pedir mas não sei desamar...

 

At 15 fevereiro, 2008 23:48, Anonymous Adao Braga

Compreender um não te amo é dificil, mas, a mente faz um balanço e acaba arrazoando!

Entender um pedido, não quero que me ame, é uma imposição irracional, pois, como sempre digo: "Você não merece, mas eu amo você"

 

At 16 fevereiro, 2008 00:29, Blogger Renne Boz

lindo, mocinho lindo...
Sabe, um dia me disseram para não demonstrar meu amor. Foi uma das coisas mais horríveis que alguém já me disse.
Saudade de vc por lá no meu canto...
beijinho

 

At 16 fevereiro, 2008 00:39, Anonymous Daah

Posso pegar emprestado?Juro que coloco créditos e tudo mais!
Não sou de pegar emprestado juro, mas "isso" (seu texto) é simplesmente lindo.

 

At 19 fevereiro, 2008 10:52, Blogger Ana Paula

Que lindo, Rafa!
Amor guardado é amor desperdiçado...

Beijos!

 


|